Com origem em França, pelas mãos do terapeuta Gil Amsallem, a massagem com bambus é uma técnica que está a conquistar fãs um pouco por todo o mundo. Tanto sucesso deve-se pelas suas múltiplas funcionalidades em termos de tratamentos para corpo e rosto, para além de produzir um efeito relaxante. Mas será que as manobras utilizadas são suaves ou mais intensas? Por que se utilizam os bambus? E será que existem contraindicações? A verdade é que estes tipos de massagens se distinguem pelos materiais utilizados – ou seja, os bambus – e estes serem considerados uma extensão dos dedos dos terapeutas. Os bambus têm capacidade de deslizar, pressionar e rolar facilmente por todo o corpo, sem que seja necessário recorrer a óleos ou a cremes, ao contrário do que acontece nas habituais massagens. No entanto, ambos podem ser utilizados para fortalecer o efeito desta técnica.As massagens com bambus são bastante abrangentes: afinal de contas, estas técnicas tanto podem ser aplicadas em crianças (a partir dos dez anos), como nos pacientes idosos e até em grávidas, pois estas manobras são sempre muito suaves.Devedestacar-se ainda que as massagens com bambus têm um grande sucesso, devido às qualidades intrínsecas dessas plantas tropicais. Sabia que os bambus contam com uma grande quantidade de energia? Afinal, quando são plantados, demoram cinco anos a desenvolverem-se. É por esse motivo que têm capacidade para armazenar tanta energia e informações.Por curiosidade, fique ainda a saber que os bambus até podem chegar a 30 metros de altura. Brasil, Colômbia e Equador são apenas alguns dos países onde se pode encontrar uma ampla diversidade deste tipo de plantas tropicais.

QUAIS SÃO AS CONTRAINDICAÇÕES DAS MASSAGENS COM BAMBUS?

. Cancro

. Trombose

. Diabetes

Marque já a sua consulta ou tratamento